Monday, 6 June 2011

Heliflex in SIC
Heliflex na SIC

Jornal da Noite of SIC (portuguese television channel), at 20h

On 4th June, the opening day of the National Agriculture Fair 2011 (Santarém, Portugal), Heliflex Agro image appeared on the SIC news, in the report about the fair.



Jornal da Noite da SIC, às 20h

No passado dia 4 de Junho, dia da inauguração da Feira Nacional de Agricultura 2011 (Santarém), a imagem da Heliflex Agro apareceu nas notícias da SIC, numa reportagem alusiva à feira.

National Agriculture Exhibition (Portugal)
Feira Nacional de Agricultura

Friday, 20 May 2011

Grey Water Recycling
Reciclar água cinzentas

Have you thought about reusing and recycling grey water at home?

Grey water is household wastewater that does not contain black water (from toilets and urinals discharges, containing urine and/or feces). Those with lower concentrations of pollutants may be considered for recycling or reuse.
In residential buildings, domestic waste water derives, in general, from the discharge of bathtubs, showers, sinks and, under certain conditions, washing machines or even wastewater from kitchens.
When grey water is treated for reuse, respecting the quality criteria established for the intended purposes, it is considered reclaimed water.
A building system for reuse of gray water before final discharge allows that the water can be reused in the building, with or without treatment according to the required quality for the specific uses.
A building system for recycling gray water promotes its treatment and reentry into the building cycle.
The installers of these two systems have the function of supplying, installing and starting up these systems.
However, conception, installation and operation of these systems must respect the national and European standards, also the legislation about water quality, and should only be performed by qualified tecnicians and companies who have developed the necessary technical skills and the best practices, ensuring the accessibility for inspections and maintenance operations to be done easily and properly.
Nowadays, we still can see some ease and lack of responsability. To have a domestic waste water treatment station should not be viewed recklessly, it's too serious to be treated that way.
That is why we put the question: Do you know that there are technical specifications for this purpose?
Well, there are technical regulations that give credibility to the installation and maintenance of such systems. But the installers and/or companies must comply with this technical specification.
You must require credentials when you plan to install a system of this kind.
In www.anqip.pt you can download the existing regulations: ETA 0905.



Já pensou em reutilizar e reciclar as águas cinzentas da sua casa?

Águas cinzentas são águas residuais domésticas que não contêm águas negras (estas são provenientes de descargas de sanitas e mictórios, contendo urina e/ou fezes), sendo que as que apresentam menor concentração de poluentes podem ser consideradas para reciclagem ou reutilização. Nos edifícios habitacionais, as águas residuais domésticas provêm, em geral, das descargas das banheiras, duches, lavatórios e, em certas condições, das máquinas de lavar ou mesmo águas residuais das cozinhas.
Quando as águas cinzentas são tratadas para fins de reutilização, respeitando critérios de qualidade estabelecidos para os usos a que se destinam, passam a ser consideradas águas regeneradas.
Um sistema predial de reutilização de águas cinzentas permite que, antes da descarga final, essas águas possam ser reutilizadas no edifício, com ou sem tratamento conforme a qualidade exigível para as utilizações.
Um sistema predial de reciclagem de águas cinzentas promove o tratamento das mesmas e a sua reentrada no ciclo predial.
Os instaladores destes dois sistemas têm a função de fornecimento, instalação e arranque dos mesmos.
Contudo, a conceção, instalação e exploração destes sistemas devem respeitar normas e regulamentos nacionais e europeus, incluindo a legislação sobre a qualidade da água, e apenas devem ser feitos por técnicos devidamente habilitados e por empresas que tenham desenvolvido as necessárias capacidades técnicas e boas práticas, assegurando as acessibilidades necessárias para que todas as operações de inspeção e manutenção possam ser feitas de forma fácil e adequada.
Atualmente ainda assistimos a alguma facilidade e falta de responsabilidade. Ter uma espécie de ETAR (estação de tratamento de águas residuais) dentro de casa não deve ser encarado com facilitismos, é um assunto demasiadamente sério para ser tratado dessa forma.
Daí a questão: sabia que existem especificações técnicas para o efeito?
Pois é, existe regulamentação técnica que dá credibilidade às instalações e manutenção deste tipo de sistemas. Mas para tal os instaladores e/ou empresas devem respeitar esta especificação técnica.
Exija credenciais quando pensar em instalar um sistema deste género.
Em www.anqip.pt poderá consultar a regulamentação existente: ETA 0905.

Tuesday, 10 May 2011

Et voilá...

3cm of polyethylene pipe turned ​into rings for bracelets - a unique Mother's Day gift.

Schools reinvent themselves daily. To keep kids busy, stimulating creativity and teamwork, the Parents Association which manages leisure times at a primary school in Gafanha da Nazaré (Portugal), proposed Heliflex an interesting project for the first day of May, 2011 (Mother's Day).
The employees were far from imagining this result when they were cutting 3cm rings of hose, with 75mm diameter.
The mothers of this kids were beatifull. There's Heliflex hose within these bracelets.
Just a bit of creativity... et voilá... a result to be used with great pride, made ​​by children.





3cm de tubo de polietileno transformadas em argolas para pulseiras femininas - um presente original do dia da mãe.

As escolas reinventam-se diariamente. Para manter as crianças ocupadas, estimulando a criatividade e o trabalho em equipa, a Associação de Pais, que gere a ocupação de tempos livres de uma escola de 1º ciclo na Gafanha da Nazaré, propôs à Heliflex um projecto interessante para o dia 1 de Maio 2011 (dia da mãe). Quando os colaboradores cortavam argolas de 3cm de tubo, com diâmetro de 75mm, estavam longe de imaginar este resultado.
As mães destas crianças ficaram todas catitas. No interior destas pulseiras está tubo da Heliflex.
Basta uma dose de criatividade… et voilá… um resultado pronto a ser utilizado com muito orgulho, feito por crianças.

Client Manager
Gestor de Clientes

In order to achieve grater projection in the national market and integrated into its business strategy, Heliflex intends to strengthen its team of Client Manager for North and Center Region of Portugal. For more information see here.

Com vista a ganhar maior projeção no mercado nacional e integrada na sua estratégia comercial, a Heliflex Tubos e Mangueiras, S.A. pretende reforçar a sua equipa de Gestores de Clientes para a Zona do Norte e Centro. Para mais informações consulte aqui.

Thursday, 5 May 2011

Heliflex as a reference in Internationalization
Heliflex como referência na internacionalização

Within 4 months, Heliflex export manager, Manuel Tavares, gives his testimony in several initiatives on internationalization.
AIDA (Industrial Association of Aveiro District) has several initiatives under the subject "companies internationalization", particularly for companies of the district. In order to give a more concrete and real nature to these meetings, AIDA introduced real testemonials with whom participants could exchange experiences, knowledge and partnerships, in an active dialogue way.
Heliflex shows up at these meetings as a company of reference on the internationalization issue.
Manuel Tavares, export manager of Heliflex , introduced his experience with several countries with which he maintains daily contact. Currently, Heliflex is present in four of the five continents, in 39 countries.
With an attitude of sharing skills, Manuel Tavares responds positively to these initiatives then he believes it's the only way to potentiate exports on each market target.
This openness determines the way of internationalization of Heliflex.



Num espaço de 4 meses, o export manager da Heliflex, Manuel Tavares, dá o seu testemunho em várias iniciativas sobre a internacionalização.
A AIDA (Associação Industrial do Distrito de Aveiro) tem na sua agenda várias iniciativas no âmbito da internacionalização das empresas, nomeadamente dirigidas a empresas do distrito. Como forma de dar um cariz mais concreto e real a estes encontros, a AIDA introduziu a figura de testemunhos com os quais os participantes e interessados, num diálogo activo, pudessem trocar experiências, conhecimentos, parcerias.
A Heliflex aparece nestes encontros como uma empresa de referência no tema da internacionalização.
Manuel Tavares, export manager da Heliflex, apresentou a sua experiência com diversos países com os quais mantém contacto diário. Actualmente, a Heliflex está presente em 4 dos 5 continentes existentes, em 39 países.
Numa atitude de partilha de competências, Manuel Tavares responde a estas iniciativas positivamente, uma vez que entende que só assim se conseguem potenciar as exportações para cada mercado alvo.
Esta postura de abertura condiciona a forma de internacionalizar a Heliflex.

Monday, 2 May 2011

Plumbers Certification
Certificação de Canalizadores

ANQIP in association with some of its associates, among which and outstanding the participation of Heliflex, will start certification courses for plumbers.
Heliflex and ANQIP (National Association for Quality in Building Installations) give greater importance to this initiative, not only because it's an essential contribution to the qualification of the sector, but also because it's a certification that will soon be required to all plumbers/installers/tinsmiths who act in the market, particularly in the 10 Aveiro's counties (naturally extending to other regions of Portugal). The responsibility for this formative process. was delivered to ANQIP.
The acceptence of the ANQIP members was so high that it became imperative to allocate the modules for each training course to companies that were not only interested, but also demonstrated to accomplish strict criteria, taking into account namely the evidences in taking the module, ensuring the qualification of the trainees, the techniques used for the transition of the knowledge and the use of the appropriate materials and the excellent technical quality in pipe systems.
Heliflex will take one of these modules in this certification course.
In this pilot training course in Aveiro region, the major issues will be duplicated, and will be assigned to different members of ANQIP, for the trainees to have a comprehensive knowledge and multiple perspectives in these situations.
More information about these courses in www.anqip.com, including the contents of each module the place of development of the more practical modules.

A ANQIP, em parceria com alguns dos seus Associados, entre os quais se destaca a participação da Heliflex, vai iniciar a leccionação de cursos de certificação de canalizadores.
A Heliflex e a ANQIP (Associação Nacional para a Qualidade nas Instalações Prediais) dão a maior importância a esta iniciativa, não só por ser um contributo indispensável para a qualificação do sector, mas também por se tratar de uma Certificação que virá em breve a ser obrigatória para todos os canalizadores/instaladores/picheleiros que actuam no mercado, nomeadamente nos 10 Municípios da Região de Aveiro (estendendo-se naturalmente a outras regiões do país), tendo sido atribuída à ANQIP a responsabilidade por este processo formativo.
A adesão dos associados da ANQIP foi de tal modo elevada que se tornou necessário a atribuição dos módulos por cada curso de formação às empresas que se mostraram não só interessadas, como demonstraram cumprir critérios de atribuição rigorosos, tendo em conta nomeadamente as evidências no assumir do módulo, dando garantias de qualificação dos formandos, das técnicas utilizadas para a passagem de conhecimentos e na utilização de materiais adequados e de excelente qualidade técnica nos sistemas de canalizações.
A Heliflex assumirá um desses módulos no âmbito deste curso de certificação.
Os temas de maior importância serão, neste curso de formação piloto na região de Aveiro, duplicados, sendo atribuídos a diferentes associados da ANQIP, para que os formandos tenham conhecimentos abrangentes e sob várias perspectivas nessas situações.
Em www.anqip.com encontram-se mais informações sobre estes cursos, nomeadamente os conteúdos de cada módulo, o local a serem desenvolvidos e os módulos mais práticos.
Contamos com a sua participação.

Friday, 8 April 2011

24% Increase in Export Volume
24% de aumento no Volume de Exportação

Heliflex increases 24% in export volume in the first quarter of 2011.
In a moment of deep economic and corporate crisis, Heliflex has increased the export volume with great success not only in traditional and most popular markets, such as Brazil and Angola, but also in new markets that go unnoticed by Portuguese entrepreneurs, such as Iran, Lebanon and China.
According to Manuel Tavares, Heliflex export manager, "in three years and with a small sales team dedicated to foreign market, we achieved a significant increase in sales since the Heliflex Export Department has focused their strategy in two perspectives: (1) direct sales from Portugal, (2) sales from the Heliflex subsidiaries (that to date has already 5)."

The work in promoting the company and products has been an uphill battle to wage, taking into account the context of crisis in which we live and the consequent reduction in marketing budget. However, the team led by Manuel Tavares has made ​​a greater effort of motivation and involvement, so the results show that this dedication, strategic ventures, has been successful, using great imagination and creativity to overcome the various obstacles.

With an export growth in the first quarter of 2011, registering an increase of more than 24% (last year had grown on average 13%), Heliflex definitely won a place in the 4 corners of the world, continuing working for new markets and new challenges.


A Heliflex aumenta o seu volume de negócios no mercado internacional em 24% no primeiro trimestre de 2011.
Num momento de profunda crise económica e empresarial, a Heliflex tem vindo a aumentar o volume de exportações com enorme sucesso, não só nos mercados tradicionais e mais procurados, como sejam o Brasil e Angola, mas também em novos mercados que passam despercebidos aos empresários portugueses, como o Irão, o Líbano e a China.
Segundo Manuel Tavares, export manager da Heliflex, “está a conseguir-se, num espaço de 3 anos e com uma equipa comercial dedicada ao mercado externo reduzida, um aumento significativo das vendas, uma vez que o Departamento de Exportação da Heliflex tem focalizado a sua estratégia em duas vertentes: (1) venda directa a partir de Portugal; (2) venda a partir das filiais Heliflex (que até ao momento já conta com 5).”

O trabalho de divulgação da empresa e seus produtos tem sido uma batalha difícil de travar, tendo em conta o contexto de crise em que vivemos e a consequente redução do orçamento de marketing. Contudo, a equipa liderada por Manuel Tavares tem feito um esforço acrescido de motivação e envolvência, pelo que os resultados demonstram que esta dedicação, com apostas estratégicas, tem sido bem sucedidas, recorrendo a muita imaginação e criatividade para ultrapassar os vários obstáculos.

Com um crescimento no volume de exportações no primeiro trimestre de 2011, a registar um aumento superior a 24% (no ano passado já tinha crescido em média 13%), a Heliflex de facto conquistou definitivamente o seu lugar nos 4 cantos do mundo, continuando a trabalhar para novos mercados e novos desafios.

Tuesday, 22 March 2011

Product of the year 2011
Produto do ano 2011

As a result of a market study, conducted on a representative sample of the Portuguese population, the helijardim platinum tricot was elected in the category of garden and DIY as product of the year 2011, along with 48 different categories of consumption, taking into account the attractiveness of novelty/innovation of the competing products, level of use and level of satisfaction obtained through use.
Details of the study are in http://www.produtodoano.com/ where you can find more information about the study: sample stratification and results of category-specific garden/DIY, which includes the helijardim platinum tricot. The detailed analysis covers: (1) Attractiveness of the novelty of the product; (2) Level of use; (3) Level of satisfaction and preference in using the product. The major findings of the study include: (1) Consumer attitudes; (2) Sensitivity of the consumer; (3) Needs and expectations.

Como resultado de um estudo de mercado, realizado a uma amostra representativa da população portuguesa, a helijardim platinum tricot foi eleita na categoria de jardim e bricolage como produto do ano 2011, juntamente com 48 diferentes categorias de consumo, tendo em conta a atractividade da novidade/inovação dos produtos a concurso, nível de utilização e nível de satisfação obtido com a utilização.
Os detalhes do estudo encontram-se em http://www.produtodoano.com/, onde poderá encontrar mais informações sobre o estudo: estratificação da amostra e os resultados específicos da categoria jardim/bricolage onde se inclui a helijardim platinum tricot. A análise detalhada contempla: (1) Atractividade da novidade do produto; (2) Nível de utilização; (3) Nível de satisfação e preferência na utilização do produto. As grandes conclusões do estudo contemplam: (1) Atitude do consumidor; (2) Sensibilidade do consumidor; (3) Necessidades e expectativa.